Noticias

Os novos iPads são um sucesso, três milhões de unidades vendidas em somente três dias.

ipad-mini-ipad-4
Escrito por André Darugna

Olá amigos, a Apple acabou de anunciar que foram vendidos nos últimos três dias três milhões de unidades de seus dois novos tablets (versão somente Wi-Fi): o iPad mini, com 7,9 polegadas e o iPad 4, duas vezes mais rápido que o iPad 3. Isso representa o dobro das vendas que haviam sido alcançadas com a versão somente Wi-Fi do iPad 3, no mesmo período de tempo no mês de março de 2012.

O CEO da Apple, Tim Cook, está muito contente com os resultados e comentou inclusive que os usuários estão amando seus novos tablets, graças a boa recepção por parte dos consumidores foi batido um novo recorde de vendas e a empresa está comprometida em fabricar novas unidades o mais breve possível para conseguir atender a demanda.

Posts relacionados:

Somente Wi-Fi no momento

?Atualmente a Apple somente está vendendo os modelos sem 3G/4G, que deverão estar disponíveis somente na metade deste mês. O iPad mini e o iPad 4 já são vendidos em mais de 34 países, incluindo os Estados Unidos, Canadá, França, Alemanhã, Japão, Reino Unido, entre outros.

De acordo com o site AppleInsider após estes três primeiros dias de vendas o iPad mini já está esgotado em 6 de cada 10 lojas Apple Store nos Estados Unidos, o modelo mais popular é sem dúvidas o iPad mini de 16GB que custa lá somente U$329, algo em torno de R$669.

iPad 4 branco

Um levantamento realizada pela empresa Capital Markets determinou que o iPad mini mais barato já teve seu estoque totalmente vendido, já o modelo de 32GB vendeu cerca de 90% das unidades. Agora se você ainda deseja comprar um iPad mini lá fora, deverá escolher o modelo com 64GB pois é o único que ainda se consegue facilmente, foram vendidos somente 14% do modelo em preto e 10% do modelo em branco.

O estudo termina revelando que 48% das pessoas que nunca tiveram um tablet escolheram o iPad mini como opção, lembrando que até o momento somente estão sendo vendidos os iPads somente Wi-Fi.

Não sabemos quando o iPad mini nem o iPad 4 estarão disponíveis no Brasil, porém, acredita-se que eles chegarão antes do natal, que representa a melhor temporada de vendas de todo o varejo.

E você? Está ansioso para conhecer pessoalmente o iPad mini? E o iPad 4, será sua opção?

Fontes: AppAdvice / Apple

Sobre o autor

André Darugna

Blogueiro fundador do iPad Dicas e Viagens Dicas, formado em Comunicação e vencedor de 2 prêmios Top Blog.

20 comentários

  • Bom dia André

    Já há muito tempo que venho namorando um ipad porem, gostaria de tirar uma dúvida ainda compensa comprar um Ipad 2 ? O uso que farei dele será o básico do básico só para acessar a internet, ver emails e uma vez ou outra jogar angry birds rsrs. Até já cogitei a ideia de pegar um ipad 3 geração completo, mas colocando na ponta do lápis eu não preciso de tela retina, nem processador gráfico poderoso para jogar, para isso tem meus computadores, video games, psp etc. rs
    Então um Ipad 2 é uma boa pedida ? lembrando que não ligo em ter um ipad 2 sendo que já existe um ipad 4, e também nem penso em vende lo depois.

    Abraço fico no aguardo

    Dalton Assis

  • “O estudo termina revelando que 48% das pessoas que nunca tiveram um tablet escolheram o iPad mini como opção, ”

    Comentei em vários outros posts deste blog, em resposta aos comentários de pessoas que não entendiam porque a Apple lançaria o Mini, dizendo que era para oferecer a quem procurava um modelo mais barato uma possibiilidade real de ter um produto melhor que os dos concorrentes, e iriam comprar mesmo pagando um pouco mais que os dos concorrentes.

    Bala certeira. Está aí a comprovação do meu raciocínio.

    E muitos que já têm das outras marcas nesse segmento, na próxima troca, vão escolher a Apple.

  • “o iPad mini, com 7,9 polegadas e o iPad 4, duas vezes mais rápido que o iPad 3. Isso representa o dobro das vendas que haviam sido alcançadas com a versão somente Wi-Fi do iPad 3, no mesmo período de tempo no mês de março de 2011.”

    Esta data está correta André? Foi em 2011 mesmo?

    • Meton, o iPad Mini não é uma atualização, é um produto para um segmento novo para a Apple.

      Com relação ao artigo, para os demais produtos de tecnologia, tenho a seguinte visão:

      1. Ninguém é obrigado a comprar modelos novos de nada.

      2. Os modelos anteriores continuam operacionais por um bom tempo. O carro, o fogão, a tv, o computador, o micro, tudo continuam funcionando. Tenho um note ainda com WIndows XP.. e daí? Está operacional e suficiente.

      3. Creio que a implicância das pessoas se refere mais à perda de valor de revenda do modelo que tem em mãos. Ninguém gosta de perder dinheiro vendo um modelo lançado poucos meses ou um ano depois, mas se não fosse assim, ninguém compraria nada. Concorda? Quem compraria um carro? Não existe bem mais desvalorizado que um carro novo, assim que se entra nele e se dá as primeiras voltas.

      Realmente não sei porque reclamam, tecnologia é assim mesmo, mas volto ao item 1, ninguém é obrigado a comprar um novo. Estou usando um iPad 2 e muito bem servido por ele. Só acho-o pesado, então quando lançarem um iPad Mini com tela Retina avaliarei a possibilidade de troca, não penso em ficar com os dois. Aí entra a velha “relação custo x beneficio”, que se faz com tudo na vida, não pensando na troca por causa de estar correndo atrás de novo modelo só porque é novo.

    • Edison concordo plenamente com você sobre o aparelho em si. Mas veja meu ponto de vista: A APPLE sempre atualiza seu sistema operacional de modo que aproveita o potencial do seu aparelho, quando é lançado um novo aparelho, com certeza a nova atualização de software que virá para o novo terá dificuldades de rodar no antigo. Fora os APP’s que são feitos apenas para a nova versão do sistema operacional. E por isso é quase que forçado a compra de um novo. Tornando o aparelho realmente obsoleto. Se a APPLE permitisse de bom grado mudar o sistema operacional por um livre ai sim não me importaria com essa OBSOLESCENCIA PROGRAMADA.

      Acho cada vez mais que essa atualização pro ios 6 que veio cheio de bugs foi pra causar desanimo nos aparelhos antigos para estimular a compra de um novo.

      Bom, foi assim que eu vi o artigo.

      Mas se eu tivesse dinheiro eu comprava o que fosse lançado!!! KKKKKKK

      Até galera.

    • Em parte você tem razão, Meton. Quem tem um iPad 1 em mãos já não recebe atualizações do iOS. O Siri não roda no iPad 2.

      Mas vem cá… vamos à realidade… ou seja, a generalização das particularidades.

      – a grande maioria dos apps que se usa no aparelho que se tem é suficiente.

      – atualizações podem ser necessárias para novos hardwares, a tela Retina, por exemplo, mas quem não tem não precisará atualizar

      – toda evolução de software e/ou hardware é natural, é como um ser vivo em crescimento, “assimila! recursos e conhecimento para melhorar, para expandir, para crescer.

      Se não fosse assim ainda estaríamos com os velhos PCs ATs 286 rodando DOS … e teríamos condiçoes de navegar na internet? Não. Então olhemos mais um pouco no tempo futuro, já nas máquinas com modems acesso discado, você iria querer parar o tempo então nesse outro momento? Também não.

      Estou mostrando pontos importantes de transição de tecnologia de computação na história, que são perceptíveis, mas eles aconteceram porque houve dezenas de lançamentos intermediários que aparentemente não tinham sentido algum, não “precisavam”, mas foram essas pequenas transições que ocasionaram rupturas nas tecnologias, que propiciaram o mundo da tecnologia no nível que está hoje.

      Então esses pequenos avanços incrementais fazem parte, daqui a pouco teremos uma nova ruptura… e as pessoas vão naturalmente entrar nele porque aí sim, quem ficar para trás, ficou realmente para trás. Essas pequenas transições, mesmo que para o iPad 1, por exemplo, não teria sentido não ter o IOS6, isso eu vejo como um mal menor.

      Tem dezenas de milhões de pessoas usando o XP com o Office 2000, a principio “parados no tempo”, mas dá muito bem para ter o básico com eles para muita gente. Alguns correram para ter a última versão do Windows e do Office por nada, mas para isso precisaráo ter mais hardware. Fui olhar os requisitos da minha máquina para rodar o Windows 8 e não dá. Esperneei, chutei parede, etc? Não, ele precisa de recursos específicos de segurança que rodam instruções que a minha CPU não tem, isso faz parte. Então o que pessoas que não entram na correria fazem? Quando acabar o tempo de vida util da maquina, sendo obrigado a trocar por outra, aí vou ter o par SO e hardware “casadinhos”. Sempre foi assim que funcionou. Se está mais rapido para algumas empresas, no caso, a Apple corre muito, é uma questão de política de quem está na frente. Se têm muitos que querem pagar a conta das mudanças por quase nada, o problema é deles.

    • Edison, eu estou falando que eu queria mais liberdade com o meu ipad como eu tenho com um pc. Se lançam um sistema operacional novo eu posso ficar com o antigo. Eu posso instalar e desinstalar a hora que eu bem entender. Eu posso mudar uma placa de video, uma fonte, uma placa mãe de forma independente um de cada vez. Se eu quiser instalar o Linux eu instalo – que é muito melhor que o Windows – mas com os produtos da APPLE não posso fazer isso, entende? Eu quero ter LIBERDADE com o aparelho que eu COMPREI. Se eu fizer um jailbreak eu perco a garantia. PORQUE EU NÃO POSSO TER UMA ALTERNATIVA?

      É disso que eu estou falando. Eu uso um windows xp, com uma puta máquina core i7 extreme, placa mãe de ultima geração pra jogar. E eu vou atualizar apenas a placa de video.

      Eu posso trocar algo no ipad se eu quiser? Se a minha bateria não pegar mais carga eu tenho que levar para uma autorizada e esperar por muita burocracia pra receber outro ipad que foi remanufaturado e não o que eu comprei.

      É disso que eu estou falando: LIBERDADE que usuários da APPLE não tem.

      Veja o caso da NINTENDO com o NINTENDO WII, quantos anos não se passaram desde o seu lançamento e rivaliza em vendas com xbox 360 e playstation 3 e somente este ano vai ser lançado o sucessor WII U. Produtos de qualidade que duram tanto que não precisam de sucessores tão cedo.

      Se a APPLE tivesse lançado o ipad 3 com essas melhorias que veio no 4 teriamos mais tempo com o ipad. Mais essa jogada foi só pra ganhar dinheiro em cima de consumidores que são aficcionados com o novo. E tornam obsoletos os antigos de propósito em pouco tempo. Nunca concordo com isso. Isso pra mim é usar de má fé. O pessoal da APPLE poderia muito bem ter lançado o ipad 3 com as melhorias do ipad 4. E isso é indiscutível.

      Bom é isso, eu gostaria de mais liberdade, de mais opções de poder fazer o que eu quiser por muito tempo com o aparelho que eu comprei. E não ficar a mercer de empresas que regulam o que eu comprei como a APPLE faz com seu iTUNES. Eu só posso usar os aplicativos que a APPLE deixa vender no iTUNES. Todo desenvolvedor tem que ter o seu aplicativo analisado pela turma da APPLE antes de ser posto a venda. Claro isso evita pirataria, mais tem muito mais controle por tras disso. E como eu disse eu quero LIBERDADE com o aparelho que eu COMPREI. Só isso.

      Não me leve a mal, eu gosto muito dos produtos da apple; o que eu não gosto é de ser forçado a fazer coisas que não quero.

      E se você diz: então não faça! você não é obrigado a fazer! eu digo que você não conhece técnicas de vendas e psicologia de mercado. Eles sabem. E eles usam o tempo todo pra fazer com que compremos seus produtos.

      E isso. LIBERDADE!!! É só! rsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsr

    • Meton, você não tem liberdade com seu pc… nem ninguém tem. Nem ninguém nunca teve.

      Hardware é casado com software e isso dura um certo tempo, sempre foi assim, dentro de poucos anos você não vai conseguir instalar uma nova versão do Windows.

      Sua impressão é equivocada.

    • Do windows ou do Linux – eu tenho escolha. E como você disse dentro de poucos ANOS e não 7 meses.
      Eu uso o xp a 2. E tenho liberdade com pc sim! Estou a 1 ano com esse pc que descrevi acima e só vou trocar a placa de video em dezembro e vou fazer o próximo upgrade de hardware em dois anos. Ou seja 3 anos com a máquina. Isso se eu quiser ou se alguma peça der defeito. E eu tenho uma placa de video que comprei em 2008 e ainda funciona. E detalhe nunca troquei peça por defeito. Só pra melhora de desempenho e porque eu quis. E essa máquina suporta jogos até meados de 2015! Produto de qualidade. Feito pra durar.

      Só pra constar eu trabalho com informática a 6 anos e estou no mundo da informatica desde cedo. Desde hardware (Engenharia de teleinformática que estou concluindo ano que vem) até ciências da Computação que sou formado. Então acho que não me equivoco quando falo essas coisas.

      Bom não vou prolangar mais esse assunto. Todos temos opiniões. Essa é a minha que diverge da sua. Então eu não mudo a minha opinião nem você a sua. Ficamos por aqui então.

      Bom discutir esse assunto com você. Té mais.rsrs